Operação Balada Segura realizou mais de 300 abordagens durante o final de semana em Palmas

 

Para contribuir com um trânsito mais seguro e menos violento, a Operação Balada Segura ganhou as ruas da capital durante o final de semana. As ações foram centralizadas em pontos estratégicos com blitz educativa e repressiva, totalizando mais de 300 abordagens. A operação de Fiscalização foi iniciada na sexta-feira, 16, e seguiu até o domingo, 18. 

 

Na noite de sábado, 17, Palmas recebeu um grande público com a realização do show "Arena Safadão", e para orientar e conscientizar os condutores a equipe da Educação para o Trânsito, da Secretaria de Segurança e Mobilidade Urbana(Sesmu) organizou uma blitz educativa, na Avenida Teotônio Segurado, com distribuição de folhetos, sacolinhas e adesivos da Operação Balada Segura.  Entre os abordados estavam o cantor Wesley Safadão e sua equipe. 

 

"Todos que estão utilizando as vias públicas, podem ser abordados sem distinção. O foco é criar a cultura de segurança no trânsito palmense e que a vida seja preservada", disse major Leonardo, titular da Sesmu.


O jovem de 22 anos Matheus Silva foi um dos condutores abordados na blitz educativa, momentos antes do início do show. ''Essas ações de orientações são relevantes para lembrar a gente de que a vida é só uma. E é possível sim curtir a noite com responsabilidade e segurança, pra todo mundo voltar para casa com vida". 

 

A Águida Ribeiro, em companhia com as amigas, fez a opção de ir até o local do evento por meio do transporte privado. "Por questão de segurança decidimos não irmos com condução própria. Pois esperamos tanto por esse dia e queremos aproveitar ao máximo. E assim evitar colocar em riscos a nossas vidas como também a vida de outras pessoas no trânsito." 

 

Segundo o balanço divulgado pela Sesmu, durante todo final de semana, foram realizadas mais de 300 abordagens, dentre as ações preventivas e repressivas e cerca de 20 Carteiras Nacional de Habilitação (CNHs) foram recolhidas e um condutor que não teve o nome divulgado, foi conduzido à Delegacia de Polícia por crime de Trânsito. Ação do Balada Segura contou com apoio dos agentes de Trânsito, da Guarda Metropolitana de Palmas, e Polícia Militar.


Parceiros

A Operação Balada Segura é realizada por meio de parceria entre as forças de Segurança e a Prefeitura de Palmas, através da Secretaria de Segurança e Mobilidade Urbana com os agentes de Trânsito e a Guarda Metropolitana. Também são parceiros a Secretaria Municipal de Saúde; Detran-TO; Energisa; o Projeto Vida no Trânsito; as Polícias Rodoviária Federal, Civil e Militar; Poder Judiciário do Tocantins; Ministério Público Estadual e Secretaria de Saúde do Estado.