Dianópolis, TO - 14 Dezembro, 2017

Fórum debate desafios para o desenvolvimento da região sudeste em Taguatinga

 

Transformar as riquezas naturais em alternativas de renda e alavancar as iniciativas de empreendimentos já existentes ou potenciais estão no foco do Fórum de Desenvolvimento Econômico do Tocantins na região sudeste do Estado, iniciado nesta quinta-feira, 30, no Centro Educacional Municipal Laura do Carmo, em Taguatinga.  O evento foi aberto oficialmente pelo gestor da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Turismo e Cultura (Seden), Alexandro de Castro Silva, e autoridades regionais.

 

Conforme o secretário, o sudeste é uma das regiões de maior potencial de desenvolvimento do Estado, tendo em vista sua vocação para o turismo, mineração, piscicultura, fruticultura, dentre outras, e o desafio do poder público é concretizar este potencial, promovendo a geração de renda e transformando a realidade da população. “A missão que nos foi dada pelo governador Marcelo Miranda  é garantir que a beleza e riqueza naturais não destoem da realidade do povo desta região”, destacou.

 

O Fórum da região sudeste engloba  29 municípios, incluindo os do Jalapão, abrangendo, assim, duas regiões turísticas do Estado (Encantos do Jalapão e Serras Gerais). Desta forma, ao elencar as alternativas de desenvolvimento para o sudeste, o secretário enfatizou a importância de fortalecer este setor. Para ele, o turismo, aliado à cultura, é uma das molas propulsoras para o desenvolvimento regional.

 

Falando em nome dos gestores municipais, o anfitrião Miranda Taguatinga, prefeito de Taguatinga, destacou a importância do Fórum para a região. “O sudeste antigamente era conhecido como o corredor da miséria em Goiás, e depois ficou conhecido como o corredor do esquecimento; e o governador Marcelo Miranda está nos proporcionando a oportunidade de discutir as ações voltadas para o Tocantins e para a região sudeste e Jalapão. Esse momento  de encontro dos prefeitos, vereadores, lideranças, empresários e comerciantes é que vai nos dar oportunidade de dar um direcionamento do que nós queremos para a nossa região”, apontou.

 

Ainda na oportunidade, o prefeito disse que  o sudeste vivencia um novo momento, com boas expectativas de se desenvolver.  “O governador voltou os olhos para o sudeste com  a BR 242, ligando Luiz Eduardo Magalhães [BA] a Taguatinga, Taguatinga a Gurupi, passando por Paranã, e está nos proporcionando um  momento único de crescimento. Estamos agora no centro desse crescimento, onde todo o norte de Goiás, sul do Tocantins e Mato Grosso que fizerem viagem para o Nordeste vão passar por Taguatinga. É uma nova realidade”, comemorou.

 

Municípios do sudeste

O evento contempla os municípios de  Almas, Arraias, Aurora do Tocantins, Chapada da natividade, Combinado, Conceição do Tocantins, Dianópolis, Ipueiras, Lagoa do Tocantins, Lavandeiras, Mateiros, Monte do Carmo, Natividade, Novo Acordo, Novo Alegre, Novo Jardim, Paranã, Pindorama do Tocantins, Ponte Alta do Bom Jesus, Ponte Alta do Tocantins, Porto Alegre do Tocantins,  Rio da Conceição, Santa Rosa do Tocantins, Santa Tereza do Tocantins, São Félix do Tocantins, São Valério da Natividade, Silvanópolis, Taguatinga e Taipas.

 

Sobre o Fórum

Esta é a 4ª edição do Fórum de Desenvolvimento Econômico, que já foi realizado nas regiões Central, Sul e Bico do Papagaio. Os encontros têm como tema “Desafios e Oportunidades para Fortalecer a Economia Regional do Tocantins” e se propõem a criar um ambiente de diálogo com aqueles que têm a responsabilidade de gerir soluções práticas e viáveis ao crescimento econômico local e ao fortalecimento econômico regional, destacando as potencialidades e oportunidades diante dos grandes desafios contemporâneos.

 

“Estes encontros possibilitam ao Governo do Estado estar presente nos municípios, ouvir de vocês gestores públicos e do setor empresarial as suas demandas e projetos de desenvolvimento econômico e apresentar as nossas ações e projetos para diversas áreas; ao mesmo tempo em que, juntos, podemos identificar e elencar alternativas viáveis para promover a melhoria na qualidade de vida nessas regiões. Sem sombra de dúvidas, têm sido momentos de importantes trocas”, destacou o secretário Alexandro de Castro.

 

 

Também  participaram da mesa de abertura do evento a secretária de Estado do Trabalho e Assistência Social, Patrícia Amaral, o vice-prefeito de Taguatinga, João Pereira da Silva; o presidente da Câmara Municipal, Lindomá Almeida da Silva, o representante da Federação das Indústrias do Estado do Tocantins (Fieto), José Roberto Fernandes, e  a vice-reitora da Universidade Federal do Tocantins (UFT), Ana Lúcia de Medeiros. O Fórum da região sudeste se estende até esta sexta-feira, 1º de dezembro.

 

 

VEJA TAMBÉM NO PORTAL DO SUDESTE